Tecnologia empregada em PPP de iluminação pública em Minas Gerais chama atenção

Tecnologia empregada em PPP de iluminação pública em Minas Gerais chama atenção

Representantes dos governos da África do Sul, de Mato Grosso e da cidade de Divinópolis, além de estudante de doutorado, conheceram serviço com telemonitoramento que reduziu em 86,6% a taxa de falhas

Os bons índices obtidos na manutenção do sistema de iluminação pública em Ribeirão das Neves (MG) já servem de inspiração para estudantes, governos de outros estados e até países. O uso de tecnologia de ponta permite acompanhar em tempo real a ocorrência de lâmpadas acesas, apagadas ou piscando, agilizando o trabalho de manutenção. O resultado é que, desde o início da operação do IP Minas em dezembro de 2019, a taxa de falha baixou de 15,30% para 2,05% em novembro de 2020, o que significa melhoria de 86,6% na qualidade do serviço prestado.

O trabalho realizado pelo IP Minas, que tem contrato na modalidade Parceria Público-Privada (PPP) com a Prefeitura, está chamando atenção também de estudantes. No dia 22 de dezembro, a doutoranda Thais Nassaif visitou a concessionária. Com experiência em planejamento urbano, graduação e mestrado em Arquitetura e Urbanismo, ela atualmente dedica-se ao doutorado no Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O foco da sua pesquisa é a difusão de PPPs em nível municipal na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).

Thais conta que o interesse sobre PPPs surgiu a partir da participação em um projeto de pesquisa anterior ao doutorado que identificou a difusão desse instrumento na RMBH. Para a realização do seu estudo, está promovendo uma série de entrevistas com agentes do poder público de diversos municípios da região. Uma delas foi com o Secretário de Administração de Ribeirão das Neves, Tulio Raposo, que falou do trabalho realizado na iluminação pública da cidade.

Durante a visita ao IP Minas, Thais foi acompanhada pelo gerente Jolimar Costalonga Grancer, que apresentou o Centro de Controle Operacional (CCO), onde é feito o gerenciamento das demandas do sistema de iluminação pública, assim como o software de gerenciamento desenvolvido especificamente para a telegestão. "Ficamos muito gratos pela visita. Mais uma vez Ribeirão das Neves está servindo de referência em participação pública-privada, com o IP Minas despontando na área de iluminação pública", salienta Jolimar, que também apresentou ações sociais realizadas, como formação de mão de obra local e a doação de recicláveis para a Coomarin.

Em 17 de dezembro, representantes do município de Divinópolis (MG) conheceram o trabalho realizado pelo IP Minas. A comitiva foi composta pelos servidores da equipe de Transição do Prefeito eleito: Gustavo Mendes Martins, Rodrigo Assis, Leonardo Capanema e Izaias Mezencio da Silva. Eles foram acompanhados pelo Secretário Tulio Raposo.

Já em novembro, a secretária-adjunta Rafaela Damiani, da Secretaria-Adjunta de Cidades, integrante da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) do Mato Grosso, também visitou o IP Minas. Ela também foi acompanhada por Tulio Raposo. E, em outubro, o embaixador da República da África do Sul no Brasil, Joseph Mashimbye, conheceu as instalações do IP Minas e as tecnologias usadas. A comitiva oficial enviada pelo presidente sul-africano Cyril Ramaphosa percorreu vários estados brasileiros para prospecção de intercâmbios econômico, cultural e acadêmico.

O IP Minas, formado pelas empresas Quantum Engenharia e Fortnort Desenvolvimento Ambiental e Urbano, tem contrato na modalidade PPP com a Prefeitura de Ribeirão das Neves desde novembro de 2019. A vigência é de 30 anos para prestação de serviços de modernização, otimização, eficientização, expansão, operação e manutenção da infraestrutura da rede de iluminação pública na cidade.

Parque e praças ganham nova iluminação

Além do trabalho de manutenção e modernização da iluminação púbica nas ruas de Ribeirão das Neves, parques e praças também são contemplados. Neste fim de 2020, seis áreas foram modernizadas pelo IP Minas com instalação de 198 postes e 538 luminárias novos. As obras foram realizadas após levantamento de campo e estudos luminotécnicos e elétricos, conforme cada caso específico.

Foram concluídas as obras de iluminação do novo acesso de Ribeirão das Neves – Via Eduardo Brandão, do Parque Ecológico Ribeirão das Neves – Savassi, da Praça Nossa Senhora das Neves – Centro, da Praça da Igreja Matriz Nossa Senhora da Piedade – Justinópolis, da Praça José Irineu – Veneza e da Praça Trevo de Neves – Saída Jardim Colonial/BR-040.

13 visualizações0 comentário