top of page

FÓRUM DE ILUMINAÇÃO URBANA E EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DO RIO DE JANEIRO

Atualizado: 15 de set. de 2023



ILUMINAÇÃO PÚBLICA DE QUALIDADE ENTRA EM PAUTA NO ESTADO DO RIO O governo do Estado do Rio vai mapear os parques de iluminação pública dos 92 municípios fluminenses para traçar um diagnóstico e auxiliar gestores municipais a modernizarem suas redes. Essa informação foi dada pelo secretário de Estado de Energia e Economia do Mar, Hugo Leal, no encerramento do Fórum de Iluminação Pública e Eficiência Energética, organizado pela ABCIP, no Palácio Guanabara. “A iluminação pública (IP) é um serviço de gestão municipal que impacta fortemente na qualidade de vida e no desenvolvimento do estado, por isso vamos atuar como mediadores e apoiadores”, disse Leal. Aberto pelo governador Cláudio Castro, o Fórum contou com a participação de quase 300 pessoas, entre elas, representantes de cerca de 30 prefeituras fluminenses, concessionárias de serviços de IP, de distribuidoras de energia elétrica, autoridades do governo estadual, do Ministério Público e do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, além de advogados, representantes das concessionárias dos serviços de IP nas cidades do Rio de Janeiro, São João do Meriti, Angra dos Reis, Barra do Piraí, Miguel Pereira e Vassouras, profissionais do setor, especialistas em tecnologia e representantes da CAIXA, do BNDES e PROCEL. O panorama do mercado de IP apresentado por Pedro Iacovino, presidente da ABCIP, mostra que hoje 111 municípios brasileiros estão modernizando seus parques luminotécnicos por meio da parceria com a iniciativa privada, beneficiando 47 milhões de pessoas, gerando investimento da ordem de R$ 22 bilhões. E que hoje 828 outras cidades têm projetos de PPP de IP que podem atender mais 67 milhões de brasileiros. “Os cases apresentados mostram que os bons serviços de iluminação pública estão sendo reconhecidos como essenciais para melhorar a vida dos munícipes”, disse Iacovino. A parceria com a iniciativa privada para resolver os problemas de iluminação nas cidades brasileiras foi uma alternativa destacada por quase todos os palestrantes do fórum por propiciar aos munícipes, em curto período de tempo, mais segurança pública, economia drástica no consumo de energia por meio da eficiência energética, desenvolvimento social e melhor qualidade de vida para a população de municípios de todos os portes.

37 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page